Como não sofrer no carnaval?

20:13 Victor Collares 0 Comments

*Por Gabriel Velasco

Em todos os lugares do mundo, a combinação multidão + muitos turistas + álcool tem como resultado diversos contratempos e problemas sérios que acontecem no caminho. Carnaval não é diferente, é óbvio. Então preparamos uma lista com dicas para que sua diversão seja mais segura e sem riscos de acidentes maiores. 

Está viajando numa cidade que você não conhece? Certifique-se de conferir as opções de ida e vinda antes de sair se aventurando, e guarde sempre dinheiro para um possível taxi na volta. Muitos locais têm esquemas de transporte público diferentes nessa época do ano, e algumas vezes a gente pode ficar na mão, então cheque duas vezes! 


Não carregue documentos desnecessários. Você não vai abrir crediário pra comprar cerveja com o ambulante, então pra que seu CPF está na sua carteira? Leve só 1 documento de identificação para onde quer que vá, assim você não corre risco de perder todos de uma só vez caso aconteça algo. O mesmo vale para cartões de banco/crédito. 

Não vai sair com bolsos? Sem problema, existem ‘bolsos falsos’ que se compra por aí, as bolsas anti-roubo que se coloca por dentro da roupa, ou bolsinhas que se pendura no pescoço e dá pra guardar uma pá de coisa. Em ultimo caso, não tenha vergonha! Coloca dentro do tênis, na meia, na calcinha/cueca, tanto faz, É CARNAVAL! 

Seu iPhone 5 novinho não quer brincar carnaval, acredite. Use um telefone mais antiguinho que não vá doer tanto no coração ou no bolso em caso de acidente. Se for levar a câmera, certifique-se de que as baterias estarão recarregadas ou que vai ter pilhas suficientes e que terá tempo de recarregar enquanto está em casa. Faça backup sempre que possível nas fotos, pois em caso de problema no cartão de memória será melhor perder as fotos de só um dia que a de todos. 


Evite volumes nos bolsos, além de chamar atenção eles são desconfortáveis e pesam sua roupa na hora da pulação carnavalesca. Levou aparelhos eletrônicos? Leve uma sacolinha plástica no bolso, caso comece a chover, ensaca os aparelhos e assim você tem certeza que pode pular sem correr risco de eles molharem. Também é útil para salvar dinheiro e documentos dependendo da chuva... 

Se for alérgico a algum medicamento, ou se precisar tomar alguma medicação para sobrevier; se for portador de alguma doença que requeira cuidados especiais; ou ainda se você tem o costume de desmaiar em público, certifique-se de ter em algum lugar acessível suas informações médicas essenciais. 
Uma outra dica: se você sofre de algum tipo de doença ou transtorno que precisa de ajuda de outra pessoa (se for asmático grave ou tiver crises de hipoglicemia, por exemplo) ensine um amigo seu o que fazer nessas situações. É simples e pode ser útil. 

Perdeu-se e não sabe o que fazer? Não sai perguntando pra qualquer um, procure um posto de polícia, guarda municipal, ou até um posto médico. Peça ajuda a pessoas desconhecidas só em ultimo caso. 


Hidrate-se sempre. Intercale o álcool com água, tome uma água de coco ocasionalmente, um isotônico ou hidrotônico; não pense que com refrigerantes está fazendo milagre e cuidado com bebidas energéticas, além de fazer mal para o estômago são pobres em nutrientes e não servem como fonte de hidratação. 

Dê preferências a comidas leves e se possível feita em casa, coma na rua como última opção. Alimentos muito gordurosos, muito salgados ou muito doces podem piorar e muito a sua situação. Para quem bebe, principalmente, é sempre bom não sobrecarregar mais o fígado que já sofre com o álcool. 

Tá de ressaca? Além de muito líquido, muito mesmo, certifique-se de se alimentar e descansar um pouco. Ainda que você perca algumas horas numa soneca é melhor do que a máquina pifar de vez e você perder o resto da farra toda. Confira antes a programação dos blocos, festas, e etc que vai participar e como se deslocar de um lugar para outro. Apesar de ser legal ser vidaloka é sempre bom saber onde estaremos. 


Vai de fantasia? Experimente a roupa que vai usar antes de sair e descubra os pontos fracos. Imagina usar pela primeira vez uma roupa e descobrir quando já está na rua que o sapato tá apertando e dá bolha no pé? 

Vai para um show ou festa fechada? Confira antes de sair de casa o horário de entrada e validade dos ingressos, imagina chegar depois do horário e não poder mais entrar? QUE DÓ! Mas já vi acontecer, então certifique-se. 

Se o programa que você curte é pegação ficar toda hora tirando celular do bolso pra anotar telefone é o erro... Use o método mais moderno que existe: já leva anotado o numero do seu telefone e seu facebook e na hora é só distribuir os papeizinhos, ó que chique! Dá até tempo de encomendar cartão de visita, heim... 

Leve camisinhas! Você pode não ter a menor pretensão de transar, mas se o clima esquentar você já está preparado. E também pode sempre salvar aquele colega parceiro que tá indo pro rali e rola. 

Não faça xixi na rua! Além de deselegante e porcaria em alguns lugares é CRIME!

0 comentários :

Tecnologia do Blogger.